1 de jan de 2011

Cantora Mara Maravilha diz em entrevista que não tem mais religião

Com quase 30 anos de carreira, a cantora evangélica Mara Maravilha já foi apresentadora infantil e símbolo sexual . Agora, a cantora diz que está em mais um momento de conversão.

Não que ela tenha deixado a religião de lado, “Agora digo que sou ‘de Deus’. E Deus não é evangélico, católico, muçulmano. Deus é amor”, diz Mara, em entrevista ao site da globo EGO.

Para a cantora baiana, os fãs são a sua familia já que nunca teve a família muito presente em sua vida. A relação com a mãe, dona Marileide, nunca foi fácil. “Ela confunde, às vezes se acha mãe da Mara Maravilha e não da Eliemary. Teve derrame há quatro anos, ficou debilitada, não consegue andar. Ela já era autoritária, agora ficou ainda mais. Mas eu amo minha mãe. Mãe a gente tem que honrar”, diz Mara.

A cantora, foi casada por nove anos com Paulo Lima (anos mais novo que ela). Os dois ficaram dois anos separados até que assinaram a separação em outubro de 2008. Após 4 meses de divórcio já estava prestes a se casar novamente com o dentista Alessander Vigna. Este já é o terceiro casamento da cantora.

Hoje, a cantora Mara Maravilha vibra com a terceira indicação ao Grammy latino de melhor álbum de música cristã. Acabou de lançar um DVD novo com músicas gospel e româticas (com regravações do Roupa Nova e Alexandre Pires) e tem o projeto de criar uma ONG para ajudar crianças. Mas não quer mais saber de correria. “Meu sonho é ter paz. Não levar vida de aparências, como era antes. Eu tentava ser alguém que não era. Ainda hoje o fato de ser Mara Maravilha tem um peso. Pode escravizar, e Deus quer todo mundo livre”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário