28 de dez de 2010

Por que muitas igrejas evangélicas adotam em sua doutrina o uso de jóias e maquiagem?


Graça e Paz.
Em primeiro lugar Deus reconcilia os indivíduos consigo mesmo como ato
de graça, sendo o corpo de Cristo esta sendo edificado com pecadores
indignos como prova eterna da benignida de Deus para com todos os
pecadores da terra.
Quando a obra de Deus em nos for completa, seremos criaturas de bem
aventurança indizível no estado de glória celestial muito acima de
qualquer coisa que agora possamos imaginar, mas esta será somente uma
obra de Deus e não pelos nossos méritos e será por toda a eternidade,
visto que os céus nunca cessarão de ressoar com aleluias e jubilo do
coração grato dos redimidos.
Lei seria a obrigação de se cumprir tudo que na qual foi imposto, mesmo
que você viesse a não estar em acordo as suas regras e as conseqüências
vindouras.
O apóstolo Paulo foi o principal instrumento humano para transmitir o pleno significado da graça de Cristo, que
A graça em sua mais completa definição é o favor imerecido de Deus aos
nos da o seu Filho, que na qual nos oferece a salvação gratuitamente de
nossas vidas por toda a eternidade.
A graça soberana não é uma exibição arbitrária da graça de Deus, a fim
de recebe-la, o homem deve crer, a fim de desfruta-la, o crente deve
ser obediente.
A graça prove a justificação ( Romanos 3.24 ), a capacidade (
Colossenses 1.9 ), uma nova posição ( 1 Pedro 2.5-9 ), e uma herança (
Efésios 1.3,14 ).
Esta graça de Deus faz com Ele possa expressar o seu amor ( Efésios 2.4;
João 3.16 ), para que possa de mostrar o sua graça nos tempos vindouros
( Efésios 2.7 ) e para que o homem redimido possa produzir bons frutos
( Efésios 2.10 ).
Devemos saber que a graça soberana em nossas vidas é sempre
intencional, pois a vida sob a graça de Deus é uma vida de boas obras e
testemunhos de vida crista.
Paz do Senhor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário